Rastreabilidade do mar à mesa com o PC-Factory MES

Sistema MES permite saber condições de pesca, transporte, armazenamento, preparo e distribuição de cada grama de peixe contido nas latas Gomes da Costa

Cuidado com a saúde pública; transparência dos processos produtivos, incluindo os aspectos ambientais e sociais; e habilitação aos mercados com as exigências de qualidade mais rigorosas são alguns dos diferenciais que a Gomes da Costa consolida, com seu projeto de rastreamento fim a fim de cada peixe que chega à mesa do consumidor. Pelo rótulo da embalagem pode-se saber onde se pescou, qual a classificação do peixe, verificar as certificações do barco, todo o caminho do produto dentro da planta industrial (evisceração, cozimento, enlatamento etc.), até a expedição.

A Gomes da Costa é hoje a maior empresa de atuns e sardinhas em conserva do Brasil, com uma participação de mercado de 41%. Sua fábrica em Itajaí (SC) é considerada a maior unidade de captura e recebimento da América Latina, com produção de mais de 1 milhão de latas por dia. Para atender a nichos de mercado e regulações mais exigentes, a correta segmentação da matéria-prima é fundamental. Na prática, se um grama de peixe “não habilitado” se misturar ao pescado destinado a produtos premium ou a exportações para mercados como da União Europeia, todo o lote perde a certificação de conformidade e se nivelaria por baixo o valor do produto.

A carga de trabalho dos apontamentos manuais, que chegavam a envolver cerca de 20 tipos de formulários, foi reduzida significativamente com a automação dos processos de controle e inspeção de qualidade do PC-Factory MES.

Descrição do Projeto

Implantação do PC-Factory MES integrado com o ERP TOTVS Protheus para:

  • Automação do controle da movimentação e dos estoques de pescados com balanças e código de barras, de modo integrado com o ERP;
  • Rastreabilidade eletrônica de lotes, dos processos produtivos e do controle de qualidade;
  • Rastreabilidade Total e Emissão de laudos de Qualidade para SIF e clientes.

Resultados

  • Aumento de 35% na performance dos processos de recepção e movimentação de pescados;
  • Ganho de 50% na performance de toda a equipe na administração de pescados;
  • Contribuição para recertificação ISO9001;

• Habilitação automática de lotes de produção para mercados distintos.